Cuidado com o atog hein

O atog é arrasador e mau

Segunda-feira teve pauper na Taverna e fui jogar. Mais uma guerrinha básica de planos e o planeswalker aqui não poderia ficar de fora. Peguei meu affinity e fui para a taverna sem ter medo de ser feliz. Fui de moto-taxi para ir mais rápido.

Torneio começa e fui jogando até que vem o terceiro match contra um camarada que jogava de UG infect. Eu tinha ganho o primeiro game e estávamos jogando o segundo game que poderia ser decisivo. Estávamos jogando até que era o turno dele e eu estava com 6 marcadores de veneno e só com 1 atog na defesa e ele com 2 criaturas 1/1 e só uma spell na mão. Além disso, eu estava só com 1 atog na mesa 2 spells na mão e 9 artefatos em campo e ele com 25 pontos de vida.

Ele atacou com as 2 criaturas e eu deixei passar. Ele conjura crescimento desenfreado e eu em resposta mato a criatura dele com galvanic blast (resultado: não morri). Ele então com zero spells na mão passa o turno e na minha vez e topdeco 1 land artefato e claro que baixei.

Ele estava sem defesa e eu bati. Lembra que ele estava com 25 pontos de vida? E eu agora com 10 artefato e com 1 spell na mão? Conjurei a galvanic blast nele (foi a 21 pontos de vida) e sacrifiquei todos os meus 10 artefatos e o atog ficou 21/21. Matei ele no talo, certinho.

Depois dessa jogada eu passei a entender porque os planeswalkers no field mais experientes tem medo do atog. Eu estava com o game perdido mas sabia que ele ia se precipitar e conjurar um pamp na criatura e por isso poupei a galvanic blast.

 

 

 

Vai chegar as cartas do affinity

Não senti firmeza no grimório

Segunda-feira passada houve pauper na taverna e fui jogar. Joguei com meu affinity e fiz 1 x 3 sofrendo muito com grimório lento. Várias vezes eu só conjurei a primeira criatura no terceiro turno. Jogo pauper com esse grimório a alguns torneios e senti que precisa de modificações para ganhar agilidade porque do jeito que está não dá mais para ficar.

Nada melhor que dar uma estudada no banco de dados e descobrir algumas spells que podem trazer agilidade ao grimório. Estava eu pesquisando até que lembrei do welding jar. Essa spell é custo zero e no early game ajuda a acelerar o game e o mid game ajuda a manter criaturas vivas.

Eu estou apanhando para criaturas fly como delver que é chato já que no field da taverna tem 2 ou 3 caras com grimório de fadas. Tendo em vista isso eu vou pegar o ornitóptero que também ajuda a acelerar o game e diminui o custo do frogmite. Ele combinado com lasca-ossos pode bloquear e matar criaturas fly.

Outra criatura que achei interessante já que ela é custo 1 rápida e tem modular é o arcbound worker. Vira e meche enfrento o black remoção que tem edito de chainer e o worker cai bem contra esse grimório. Além de combar com o lasca-ossos para bater 3 no segundo turno.

Por último e muito importante o lasca-ossos que é um equipamento que ajuda a fortalecer o ataque das criaturas.

Acredito que com esses reforços o grimório vai ficar bem melhor e muito mais competitivo. Esse é mais um artigo sobre a vida de um planeswalker brasileiro. Obrigado por ler pessoal, amo vocês.

Mas que aguaceiro

Espere tudo de um topdeck do oponente

Ontem foi segunda-feira e é dia de pauper e fui jogar com meu affinity para rever a galera animada e disputar essa guerra de planos. Cheguei lá e encontrei a rapaziada bem animada escutando uma música boa, comendo, bebendo e trocando spells. Eu participei do troca troca também e consegui spells para meus grimórios de duelo de pentagrama. Mas é claro que fui para jogar e logo logo começou o torneio.

Eu sei muito bem que meu grimório affinity não está bem construído, faltam muitas spells mas esse torneio foi pesado. Meu deck veio lento demais em todos as partidas sem exceção tanto é que só consegui vencer uma delas. Detalhe, joguei 10 games e o atog só apareceu em 2 além do deck vir lento demais. Minha performance foi terrível, fiz 1 x 3, preciso voltar a prancheta XP.

Todavia, teve uma jogada do oponente, mais precisamente do Vitor que fez sacudir a poeira. O match estava empatado em 1 x 1 e estava no game decisivo. Ele tinha um delver of secrets em campo e 5 lands e 2 spells na mão, o delver não estava enjoado e eu com 5 pontos de vida. Ele tinha 7 pontos de vida e eu com 4 bichos em campo. Se ele não fizesse nada eu venceria a match. Ele me contou depois, ele estava com 1 ninja of deep hours e 1 land na mão. (5 lands em campo), olhem oque ele me apronta:

bateu com o delver;

pagou 2 e jogou o ninja; (sobrou 3 lands)

deu o draw e veio brainstorm;

deu brainstorm e veio 1 land, 1 instantânea e 1 aguaceiro; (sobrou 2 lands)

devolveu ao topo 1 land e 1 instant;

baixou land e conjurou o delver;

passou e na minha upkeep deu aguaceiro;(e não pude bater)

Na upkeep dele ele revela a instant e flipa o delver;

Bate e vence o match.

Depois dessa eu tonteei quase peguei a vitória mas o topdeck do Vitor deu pra ele a game. Ele ficou tão feliz com a jogada que bateu pra todo mundo e eu ví isso. Que jogada espetacular que só o magic proporciona só fiquei chateado em ser a vítima disso hehehe. Brigado por ler amigão, volte sempre.

 

Será que vai?

O deck de merfolks deu muito trabalho

Hoje foi dia de FNM standard e eu não poderia faltar. Como sempre levei meu deck de merfolks só que dessa vez com cartas de Dominária. Entraram duas cartas, o porto do interior e o blink in a eye. Joguei o torneio e pude constatar como esse deck dá trabalho aos oponentes. Ganhei 2 partidas e perdi duas mas as que eu perdi foi de 2 a 1 e fui derrotado no sufoco. Continuo acreditando no potencial do baralho.

1 x 0 de virada

No primeiro round enfrentei o Igor, ela estava jogando de UR, um deck espetacular que tinham criaturas que trigavam com as instants que ele lançava. No primeiro game ele abre de soul-scar mage, no segundo turno ele baixa riddleform além disso ele veio com muitos burns e eu com poucos bichos, ele me ganha.

No segundo game, ele pede mulligan para 5 e meu deck veio bem redondo na curva. Consegui proteger o lord com blossoming defense e começar com 5 cards pesou para ele, venci o game.

No terceiro game ele pede mulligan para 6 e consegui abrir de kumena´s speaker seguido de lord no turno 2. Ele veio lento e só baixou bicho no terceiro turno. Ele fez Adelis mas já era tarde e o game já caminhava para vitória dos merfolks. Matei com direito a kumena. 2 x 1 para mim de virada.

2 x 0 para ficar legal

Nesse round enfrento o Takashi de novo, ele estava jogando de mono white criaturas tokens. No primeiro game o deck dele não ameaçou muito no início. Ele ficava colocando fichas na mesa com servo exhibition e queen´s commission. Ele chegou a ameaçar com aerial responder mas o tritão que ganha fly deu conta do recado. No final, consegui ganhar.

No game 2 o Takashi pede mulligan para 5 e tenta levar. Mas o deck de merfolk veio bem agroo com direito a primeiro turno kumena´s speaker e segundo turno o metalic mimic. O lord também apareceu e facilitou as coisas. Consegui ganhar e abrir 2 x 0.

2 x 1 só para dar uma esfriada

No terceiro round enfrento o Amaro e ele estava jogando de RG dinossauro. No primeiro game ele veio com muitos bichos e eu com poucos e ainda perdi bicho para remoção. Ele baixou o dinossauro raptor maxilácero e com esse bicho em campo dá até medo de bater ou bloqueá-lo. Foram muitos dinossauros e ele ganhou.

da medo de dar dano nesse bicho

No segundo game ele pede mulligan para 6 e leva. Eu vim com bichos e blossoming defense mas mesmo assim ele consegue remover. Depois disso ele leva 3 turnos tentando baixar dinossauros e leva essence scatter nas 3 tentativas. Depois disso veio bicho para mim e ele fluda, venci o game.

carta do game

No game 3 o mão dele veio melhor que a minha. Além disso os dinossauros entram em campo mais rápido por causa do bicho que dá mana e do outro que reduz o custo de mágica de dinossauro. E além disso, ele foi o primeiro, tinha um land na frente. Veio o raptor maxilácero para ele e não veio essence scatter para mim. Bom jogo, 2 x 1 ele.

2 x 2 torta na cara

Nesse round eu enfrento o Renan e ele estava de RB com segadeira de eteresfera. No primeiro game vim bem agroo e ele nem viu a cor do meu deck. Ele ainda perdeu vida para 2 dusk legion zelot, fiz 1 x 0.

No segundo game vim bem agroo mas ele lançou sweltering suns e varreu minha mesa. Ele estava com uma segadeira em campo. Depois dele ter passado, eu fiz aprendiz e só, e no turno dele ele vez glint-sleeve siphoner, tripulou e me bateu com a segadeira. Depois disso eu não topdecava bichos e ele venceu.

Antes do game 3 eu coloquei os negar e a crashing canopy no deck. O terceiro game fluiu legal para ambas as partes mas o jogo dele veio melhor com direito a segadeira e não veio nem meus naturalize e nem crashing canopy. O jogo dele veio melhor e ele joga muito. Venceu por mérito.

Jogar um FNM é muito bom não só para game test mas também para rever os amigos. Por hoje é só planeswalkers, o elfoman amanhã vai disputar planos na point hq, é pptq. Não se esqueça de se inscrever no feed de notícias e de compartilhar meu conteúdo. Forte abraço, até mais!!!

 

 

Eita baralhinho chato hein

Eita baralhinho chato hein

Ontem teve silver black na taverna e fui jogar. Como sempre com deck de merfolks. Silver black é um tipo de torneio que entra baralhos mais alternativos e divertidos. Nada melhor que jogar de peixinhos para descontrair.

0 x 1 contra control remoção

No primeiro round enfrento o Luis e ele estava de UB turbo remoção, foi muito difícil e ganhei um game. No primeiro game eu vim bem agroo e veio mais bichos do que remoção, ele chegou a jogar golden demise removendo 3 bichos mas os bichos não paravam de vir, ganhei.

que carta forte hein

No game 2, eu fiz mulligan para 5 e só veio 1 land, o oasis com 2 kumenas´s speaker na open hand. Levei e ele removeu meus únicos bichos que baixei. Não veio mais land e perdi. No game 3 a zica voltou a me perseguir, pedi mulligan para seis mas veio 2 lands e jogamos.

Quando ele baixou bicho custo 5, souls of the rapids, eu estava com essence shatter (sideboard) na mão mas decidi não gastar para guardar para o outro bicho mais forte. Mas ele foi removendo meus bichos e não veio mais criatura. Ele me batia 3 e eu não batia mais. Acabou que me arrependi de ter deixado esse bicho cair.

era para ter dado counter nisso 🙁

1 x 1 fish contra fish

No round 2 enfrento um camarada que estava de merfolks com aquele fish chato, o river sneak. No game 1, ele começou mas fez land vai e eu fiz land, mana e kumena´s speaker. No turno 2 caiu o river sneak mas no meu turno 2 caiu o lord e vim com uma mão bem agroo. Topdequei outro lord durante a partida e consegui ganhar.

apanhei muito para esse bicho

No game 2 ambos pediram mulligan para 6 mas foi uma boa partida. Foi quase um repeteco do primeiro game, ele veio de river sneak no turno 2 e eu vim com lord. Veio muitos bichos para mim e atropelei ele. 2 x 0 para mim.

1 x 2 contra WG

No round 3 eu enfrento o Raphael, ele estava de WG bichos, um baralho bem interessante para se jogar um silver black. O deck tinha bichos fly, tinha remoção e lotava a mesa também.

No game 1 ele baixou o artefato oketra´s monument no turno 3 e no turno 4 baixou 2 bichos e ganhou mais 2 fichas. Não deu para passar na defesa dele. No turno 5 baixou mais bichos e ganhou mais fichas e acabou que a quantidade determinou, ele ganhou o game.

carta muito forte no silver black

No game 2 eu fui o primeiro a jogar e vim com uma mão bem agroo, estava eu batendo nele com 2 mistcloaked e 1 lord até que ele joga cast out e exila meu lord mas nada melhor que uma canopy para resolver isso. Destruí o encantamento no final do turno dele e topdequei 1 lord extra. Como ele estava com 6 de vida e eu batendo com 2 mistcloaked, ganhei.

há se não fosse minha remoção de encantamento?

No game 3 veio 2 aerial responder, baixou um no turno 3 e outro no turno 4 e só veio uma crashing canopy no game e mesmo assim quase no final. Esse bicho é muito chato e determinou a vitória dele. Raphael joga muito, ótimo deck parabéns.

 

Acabou a noite e os merfolks fizeram 1 x 2 no silver black (o deck turbo remoção do luis estava forte e o WG do Raphael também). Continuo fazendo experimentos no mol e na taverna e acredito que essa tribo será a melhor quando ciclar o bloco. Os merfolks prometem. Fico por aqui pessoal, plz ajudem o planeswalker brasileiro e disputar planos por ai, dá uma força ao canal, não esqueça de se inscrever, vou nessa!!!

Preciso voltar à prancheta

Standard na Taverna e Taça ao campeão

Ontem, sexta-feira, rolou standard na Taverna e fui jogar com meu deck de merfolks, quase idêntico ao da internet. No torneio só pedi mulligan duas vezes em 7 games (3 matchs). Ganhei apenas um game de um red green mas deu para tirar conclusões a respeito do baralho e da minha jogabilidade. O deck precisa de modificações e eu preciso treinar mais. Acredito que minha performance vai melhor conforme for passando o tempo. Afinal, só voltei há 2 meses depois de ter ficado mais de uma década parado.

0 x 1 contra RG

No primeiro round enfrento o batata de novo e ambos estavam motivados, ele dizendo que ia me passar o carro e eu querendo vingança. Acabou que continuo sendo freguês dele. No primeiro game ambos foram para o bit down e a partida foi decidida no top deck do hashep oasis, topdeckei oasis, sacrifiquei, dei +3/+3 para o meu bicho, bati com tudo, joguei blossoming defense e dei 8 de dano com criaturas, matei no talo. Mas no segundo game eu não me fechava para baixar bicho guardando o essence scatter para dar counter na fênix e apanhando muito. Perdi por causa disso e no terceiro game foi bem dizer repeteco do segundo. Tenho que rever a lógica desse baralho.

nice top deck

0 x 2 a vingança de Jhon

No round 2 eu enfrento o Jhon de novo, eu tinha ganho dele da última vez. Ele tava com um RW veículos e foi o primeiro a começar. Abriu de land e bomat courier (esse bicho é sem noção). Eu fiz land e kumena´s speaker e quando ele atacou no segundo turno, eu dei block. Mas o que mais me chama atenção é como a Wizard permite uma criatura dessas? Notas a parte, ele baixa land e faz coração de kiran e continuamos a jogar até ele vencer o game. No game 2, eu peço mulligan para 5 e keepei com 3 lands, 1 kumena´s speaker e 1 crashing tide. Esse game não deu, fui derrotado. Foi a vingança dele.

que bicho apelado é esse?

0 x 3 apanhando para mono black

Nesse round eu enfrento o Rodrigo, ele estava de mono black turbo remoção e ele usava o etergênito talentoso no main deck ainda por cima. E para piorar, meus santuários estavam no side XD. No game 1 ele removeu todas as minhas criaturas e me ganhou me batendo com chupa cabra. No game 2, a opeing hand veio sem mana e pedi mulligan, abri com 3 bichos custo 1 e um land e 2 engates. Keepei, tentei levar a partida mas ele voltou a controlar e me ganhar e dessa vez com 2 bichos flying (e nada de crashing canopy).

Viva ao campeão

Ontem também foi dia de entrega da taça do taverneiro ao campeão do circuito, o Thiago. Parabéns para ele, o cara joga muito. Liderou o circuito a maior parte do tempo e foi campeão merecidamente, parabéns Thiago, você merece.

Nota de esclarecimento

Teve um artigo que eu escrevi a expressão “mind game”. Me corrigiram dizendo que era “mid game”. Explico que na minha época esse termo “mind game” existia e se referia ao jogo trancado onde ninguém ataca ninguém. Naquela época existiam termos que hoje não existe mais. Eu já percebi isso e estou me adaptando ao dias de hoje já que voltei a jogar a pouco tempo, peço desculpas pelo inconveniente. Do mais, até a próxima leitores, fiquem nas graças de Richard Garfield.

 

Acordei pensando em verde

Repare nessa cor mágica: verde

É a minha cor predileta, que originou no deck que comecei a jogar em 1999. Jogava de stomp com rougue, rancor, guide, quirion e muito mais. Hoje as cartas são diferentes e mais poderosas. Ontem no pptq pude jogar de UG com minha cor predileta green.

Preparativos para jogar de UG

Como todo planeswalker sabe, é indispensável ter uma excelente curva de mana pra evitar a dona zica. Logo, como meu deck é de merfolk com muitos bichos (só crashing tide que não), eu puis território não reivindicado além de santuário botânico e woodlands stream. Joguei com 5 florestas e 3 ilhas além de evolving wilds (24 lands).

Cartinha interessante green

A jadelight ranger é uma carta interessante, custa 2 verdes e 1 incolor e explora 2 vezes. Essa carta, ou adianta terreno ou fica forte ou fica forte e tomba pro cemitério o que não presta. Pena que são 2 verdes mas no meu deck não deu problema. Bati muito com essa criatura e ela deu muita dor de cabeça.

Carta muito forte green

Uma carta que achei muito mais forte que jadelight é a andarilha das copas tritão. Ela custa somente 2 e explora. Mas, por ser rápida e ficar forte, acho melhor. Ela com certeza fica no deck após chegada das cartas que estão faltando.

 

A cor verde no pptq

Eu era um dos poucos a jogar de merfolks no pptq mas, embora o deck tivesse incompleto, foi uma experiência boa já que pude observar como se comportava a cor verde em um deck de tritão. Acordei pensando em verde xD.

Brigado por ler planeswalker, até a próxima!!!